Prefeitura de Búzios estuda instalação de DEAT no município

Imagem

O Prefeito de Búzios, André Granado, promoveu uma reunião extraordinária nesta quinta-feira, dia 7, com o objetivo de consolidar a proposta de instalação da DEAT – Delegacia Especial de Apoio ao Turista, no município. O encontro contou com a participação dos Secretários Municipais de Administração, Pedro Anderson, e de Ordem Pública, Geraldo Borges, além do delegado responsável pelas unidades da Polícia Civil da Região dos Lagos, Daniel Bandeira, e da diretora da ASPLAN – Assessoria de Planejamento da Polícia Civil e integrante da equipe de inteligência da Segurança Olímpica Rio 2016, Gisele Vilarinho.

Com a função de intensificar a segurança dos turistas que visitam a cidade, a DEAT será uma delegacia especializada em atendimentos exclusivamente dedicados ao turismo nacional e internacional, oferecendo, inclusive, serviços em três idiomas – inglês, espanhol e francês – além da língua portuguesa. Durante a reunião, o Prefeito de Búzios ofereceu o local e propôs que o Estado entre com suporte de pessoal e estrutura física. Com esta iniciativa, Búzios terá a segunda DEAT do Estado, já que a primeira foi instalada no bairro Leblon, Rio de Janeiro.

Dados da EMBRATUR revelam que o município de Búzios já recebe um número estimado de um milhão de turistas de todas as partes do mundo em períodos de alta temporada, fato que motivou a administração pública municipal a dobrar a atenção aos visitantes da cidade.

”Sendo Búzios o sexto destino turístico do mundo, já deveria ter um serviço local diferenciado para os visitantes que vêm de diferentes países e se sentem vulneráveis. A implantação da DEAT dará mais segurança e atendimento especializado”, destacou o Prefeito André Granado.

Segundo Pedro Anderson, Secretário de Administração de Búzios, a estrutura da Delegacia de Búzios atende ao cotidiano da cidade nos períodos de baixa temporada, porém, nos períodos de alta temporada, quando o fluxo de turistas aumenta, há um aumento considerável dos índices de ocorrências e exigindo uma grande demanda serviços da Policia Civil. “Não há nada mais prudente do que a implementação deste serviço. A delegacia de Búzios tem esta necessidade, é algo urgente”, disse o secretário.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s